3 min de leitura

Censo Escolar: como fazer, datas e resultados

O Censo Escolar é a principal pesquisa estatística da educação brasileira e abrange diferentes etapas e modalidades. É coordenado pelo Instituto Nacional de Ensinos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) e acontece anualmente, em duas etapas. 

Neste artigo explicamos qual a função do Censo Escolar, como encontrar tutoriais para fazê-lo e quais são os prazos vigentes no calendário 2021-2022. Confira! 

O que e qual a função do Censo Escolar?

O Censo Escolar é um instrumento de coleta de informações que reúne dados de instituições de ensino públicas e privadas. Anualmente, o governo federal estabelece um calendário para que as secretarias estaduais e municipais de educação façam o envio dos dados. Esse levantamento abrange:

  • Ensino regular (educação infantil, ensino fundamental e médio);
  • Educação especial – escolas e classes especiais;
  • Educação de Jovens e Adultos (EJA);
  • Educação profissional (cursos técnicos e cursos de formação inicial continuada ou qualificação profissional).

Os resultados da pesquisa são fundamentais para que gestores públicos identifiquem a situação educacional do Brasil e promovam ações no sentido de:

  • Implementar, monitorar e avaliar políticas públicas;
  • Monitorar o desenvolvimento da educação brasileira, fluxos escolares, distorção idade-série, taxas de rendimento, evasão escolar, entre outros;
  • Fazer os repasses de recursos do governo federal corretamente;
  • Construir as metas do Plano Nacional da Educação (PNE).

Censo Escolar: como preencher

O Censo Escolar é feito pelo Sistema Educacenso, ferramenta digital que coleta e organiza os dados censitários. As informações são enviadas pelas escolas em duas etapas: matrícula inicial e situação do aluno, que acontecem em períodos diferentes do ano vigente.

O INEP disponibiliza um caderno com conceitos e orientações para cada uma das fases. Os documentos mostram como preencher cada uma dos formulários de coleta, que incluem os seguintes tópicos: escola, turma, aluno, profissionais da sala de aula e gestores escolares. 

Além do caderno, há outros tutoriais e materiais de apoio para preencher o Censo Escolar disponíveis para acesso gratuito:  

O banner mostra a tela inicial do software de gestão pública i-Educar, desenvolvido pela Portabilis, para auxiliar na gestão para escolas públicas.

Censo Escolar e i-Educar

As(os) gestoras(es) de escolas públicas que utilizam o i-Educar podem integrar os dados com o ambiente do Educacenso. O procedimento é ágil, seguro e evita o preenchimento manual das informações. 

O software possui todos os campos exigidos pelo Censo Escolar e há um validador que garante que todos os campos foram preenchidos de acordo com as regras vigentes. 

Censo Escolar 2021 

A segunda etapa do Censo Escolar 2021 está aberta desde o dia 1º de fevereiro de 2022. O envio é feito pelo Sistema Educacenso, que coleta e organiza os dados e disponibiliza os relatórios. 

Esta coleta refere-se à chamada “situação do aluno” e reúne dados sobre o rendimento e movimento escolar declarados na primeira fase, como quantidade de aprovados/ reprovados e quantidade de alunos transferidos ou que deixaram de frequentar a escola. 

Calendário do Censo Escolar 2021 – 2ª etapa

Abertura do sistema: 1º de fevereiro de 2022

Prazo final: 17 de março de 2022

Divulgação preliminar: 4 de abril de 2022

Período de correção de dados: 4 a 18 de abril de 2022

Resultados 

O resultado da 2ª etapa do Censo Escolar 2021 estará disponível no dia 19 de maio de 2022. Para conferir o resultado dos anos anteriores, acesse o site do INEP e navegue pela linha do tempo.

Notas estatísticas, sinopses, indicadores educacionais, resultados finais, são disponibilizados para consulta pública. O resumo técnico, por exemplo, é um documento que apresenta os principais resultados divididos por matrícula, docentes, escolas, gestores e modalidade de ensino. 

A imagem mostra a linha do tempo com os resultados do Censo Escolar.

Os dados são disponibilizados para acesso público. Imagem: captura de tela do site do INEP.

Os resultados da primeira etapa foram divulgados pelo INEP em janeiro de 2022 e trouxeram índices e registros importantes, como:

  • 650 mil crianças de até 5 anos saíram das escolas nos últimos três anos;
  • Houve queda de 7,3% no número de matrículas na educação infantil;
  • De 2019 a 2021 houve uma tendência de aumento nas matrículas no ensino médio;
  • A educação de jovens e adultos (EJA) recebe alunos provenientes do ensino regular, com histórico de retenção e que buscam meios para conclusão dos ensinos fundamental e médio;
  • O perfil profissional do cargo de direção escolar mostra que  80,7% são mulheres, 89,5% têm formação superior e uma em cada 10 possui curso de formação continuada (com no mínimo 80 horas, em gestão escolar). 

 

Fonte: apresentação da coletiva de imprensa do INEP e reportagem da Agência Brasil

Tudo sobre gestão escolar

Aqui no blog da Portabilis você encontra centenas de artigos sobre educação, gestão escolar, práticas pedagógicas em sala de aula e muito mais. Quer receber os conteúdos diretamente na sua caixa de e-mail? Assine nossa newsletter! ↓

    Quer ficar por dentro das novidades?

    Assine a nossa newsletter e receba conteúdos incríveis toda semana!


    Portabilis Tecnologia

    A startup de tecnologia que ajuda os governos municipais a superarem a falta de informação através de soluções inteligentes, para aumentar o impacto das políticas públicas de educação e assistência social, focando em transformações sociais e a garantia do acesso de todos os brasileiros aos seus direitos.