4 min de leitura

Formação de professores: por que é tão importante?

Além de ter o objetivo de formar alunos e cidadãos, a escola também é responsável por promover o crescimento profissional dos seus docentes. Isso é muito importante, pois a formação de professores representa um papel estratégico na qualidade da educação.

Uma boa escola é formada por bons alunos, que são formados por bons professores. Nesse contexto, é fundamental que a instituição forneça as ferramentas necessárias para que o profissional dê conta das demandas e obstáculos da sala de aula.

Deu para perceber que o diretor tem um papel determinante no desempenho do docente, certo? Acreditamos que uma ótima forma para lidar com isso seja por meio da formação continuada, tendo em vista que os impactos dessa qualificação podem ser poderosos em todo o processo de aprendizagem do educando. Continue a leitura e saiba mais a respeito.

O que é formação continuada?

O profissional interessado e que busca se aprimorar continuamente, bem como desenvolver suas competências, tende a demonstrar uma qualidade de ensino superior em sala de aula, e isso pode ampliar o seu campo de trabalho.

Todos sabemos a importância inquestionável de contar com um educador competente dentro das escolas. Isso fica ainda mais claro se considerarmos que nossos jovens estão em constante mudança para acompanharem o ritmo do novo mundo, o que demonstra o quanto é necessário que os professores estejam sempre aprendendo e adaptando-se para seguirem essa realidade.

Sendo assim, a formação continuada visa a engajar os profissionais em processos de aperfeiçoamento — como pesquisas, projetos, estudos, reflexões e críticas —, para que, assim, possam estar sempre bem informados e atualizados acerca das novidades e tendências educacionais. O objetivo é transformá-los em facilitadores do conhecimento, mais do que meros transmissores.

Com a formação de professores sendo levada em consideração, o educador poderá melhorar sua prática docente e seu conhecimento profissional e despertar a consciência para o seu papel social dentro e fora da sala de aula — o que lhe confere melhores chances para gerar transformação e impactar positivamente o contexto escolar.

Quais os benefícios de investir na qualificação de professores?

Talvez você esteja se perguntando quais são os benefícios, na prática, da formação de professores na educação. Para ficar ainda mais fácil de visualizá-los, fizemos uma lista. Veja!

Melhoria na qualidade dos conteúdos ministrados

Investir na qualificação do professor é uma maneira de melhorar a qualidade dos conteúdos ministrados em sala de aula. Isso porque o profissional terá o conhecimento e as condições favoráveis para elaborar, com mais esmero, um plano de aula. Com a formação continuada, ele estará mais bem preparado e informado sobre as técnicas para entreter alunos, abordar conteúdos e conduzir com eficiência uma aula.

Profissionais mais produtivos e atentos aos avanços de suas áreas

A formação continuada é uma estratégia efetiva para motivar os professores de uma escola, mesmo com os muitos desafios da profissão. A motivação, por sua vez, é fundamental para garantir o interesse do educador e, consequentemente, para trazer qualidade ao ensino.

Colocando-o na posição de sempre aprender, o professor estará sempre descobrindo algo novo sobre a sua área, repensando suas iniciativas pedagógicas e aprimorando suas técnicas de ensino — o que contribui para a construção de sua identidade profissional e a própria prática da formação de professores. Isso é crucial para que o profissional se sinta útil, valorizado e, naturalmente, seja mais produtivo.

Conteúdo mais adequado à realidade dos alunos

Outra vantagem da formação de professores é que, assim, ele saberá distinguir qual conteúdo é mais adequado para a realidade de seus alunos. Dessa forma, fica mais fácil interessá-los e aproximá-los do assunto proposto.

Além disso, o professor começa a compreender essa nova geração de estudantes e consegue identificar qual a melhor maneira para se relacionar com ela. Sendo assim, passa a atuar como mediador, incentivando a autonomia de seus alunos e tornando-os protagonistas da educação e da construção do seu próprio conhecimento.

Alunos mais engajados

Uma consequência natural de se oferecer um conteúdo mais adequado é o engajamento dos estudantes. Professores competentes, motivados e conhecedores das atuais e melhores práticas de ensino são capazes de aproximar seus alunos da proposta pedagógica.

Esses profissionais entendem, por exemplo, que não adianta travar uma guerra em sala de aula contra os celulares. Em vez disso, o ideal seria utilizá-los como ferramentas para favorecer o ensino e melhorar a qualidade da educação. Um professor bem qualificado está, sobretudo, apto para adotar medidas inovadoras no ambiente escolar.

Como a escola pode ajudar na formação de professores?

Agora, a dúvida que não quer calar: como você pode contribuir para a qualificação de seus professores e conseguir todos esses benefícios para a sua escola? Inicialmente, sugerimos que a instituição faça um levantamento de suas principais dificuldades. O que precisa ser melhorado? Quais os seus pontos fracos, deficiências e falhas?

Respondida essa questão, é importante ter em mente que a formação continuada deve se basear em metodologias que estimulem o pensar reflexivo dos professores e a prática docente, além da teoria. Ou seja, promova ações que instiguem o lado inovador e produtivo do profissional.

A escola pode investir em atividades, como:

  • oficinas;

  • workshops;

  • seminários;

  • simpósios;

  • congressos;

  • cursos de formação continuada.

Vale lembrar que, para executar tais ações, é preciso contar com profissionais de alta expertise no assunto. Além disso, é fundamental disponibilizar ambientes acolhedores, incentivar um clima agradável, documentar os encontros, realizar avaliações constantes e ser flexível, pois cada professor tem seu próprio ritmo, preferências e facilidades.

Outra medida interessante é conversar individualmente com cada docente a fim de trocar informações e identificar outras alternativas que fortaleçam a sua formação e atuação profissional. Aliás, a escola é mais do que um espaço de trabalho para o professor. Trata-se, também, de um ambiente de aprendizagem e desenvolvimento para aluno e educador.

Contudo, a qualidade da formação continuada não tem a ver somente com a quantidade de cursos, workshops, palestras e demais experiências que a escola possa promover ao professor, mas à capacidade de torná-lo um facilitador e empoderador de alunos. Lembre-se: não há excelência profissional sem qualificação. Investir na formação de professores significa investir na escola, nos alunos e no futuro.

Você, claramente, importa-se com a qualidade do ensino da sua escola. Então, o que acha de se inteirar sobre as 7 dimensões da qualidade da educação? Vamos lá!

Quer ficar por dentro das novidades?

Assine a nossa newsletter e receba conteúdos incríveis toda semana!


Portabilis Tecnologia

A startup de tecnologia que ajuda os governos municipais a superarem a falta de informação através de soluções inteligentes, para aumentar o impacto das políticas públicas de educação e assistência social, focando em transformações sociais e a garantia do acesso de todos os brasileiros aos seus direitos.