4 min de leitura

Gestão de professores: qual o papel do diretor no desempenho do docente

Powered by Rock Convert

Diretores de escolas acumulam diversas funções e responsabilidades em sua rotina de trabalho. As atribuições vão desde demandas administrativas às questões pedagógicas, passando pelo bom relacionamento com a comunidade escolar.

Entre essas diferentes tarefas do diretor, promover a gestão de professores com excelência é talvez um dos grandes desafios.

Mas, você, diretor, tem suas estratégias sólidas para esse trabalho de gestão de professores em sua escola?

Pensando nisso, nesse post, convidamos a refletir sobre os principais pontos que tangem a atuação do diretor. A peça-chave no aprimoramento do desempenho docente. Acompanhe!

Promova a valorização do corpo docente

Os professores são a principal voz de uma escola, eles estão na linha de frente do processo ensino/aprendizado, lidando mais diretamente com o aluno.

Assim, cabe à direção buscar a excelência na gestão de professores, pois, com professores motivados, ganhos significativos no desempenho acadêmico dos alunos serão percebidos.

Para, efetivamente, promover a valorização dos professores em sua escola, salários compatíveis com o mercado e atrativos planos de carreira não são os únicos fatores relevantes.

Mais essencial é a criação de um ambiente de trabalho saudável, em que eles possam sentir-se motivados, valorizados e inspirados.

Uma dica para criar esse ambiente é realizar atividades também voltadas aos professores (não apenas aos alunos). Para realização desses eventos, vale buscar parcerias com empresas privadas que ofertem serviços de lazer, cultura e entretenimento, como clubes, museus e cinemas.

Auxilie na solução de problemas

Para entender os desafios enfrentados pelos seus professores, você pode programar um cronograma, agendando o acompanhamento de algumas aulas. Dessa forma, você disporá de um ponto de observação fortuito para oferecer auxílio ao professor em relação às dificuldades percebidas na condução das aulas.

Você poderá combinar com cada professor de assistir pelo menos duas aulas suas em cada semestre.

Nesse contato, o gestor poderá observar como é a relação do professor com os alunos e sua clareza ao expor os conteúdos e detectar problemas de indisciplina durante as aulas, entre outras questões.

A partir dessa observação periódica, você poderá dar seu feedback ao professor.

Tendo assistido à aula, você estará apto a incentivar o docente a prosseguir firme nas práticas que estejam surtindo efeitos positivos, bem como dar sugestões acerca dos pontos que estejam insatisfatórios em seu desempenho.

Lembrando apenas que se deve respeitar a autoridade do docente em sala de aula e não interferir no andamento das explanações.

Outra forma interessante de auxiliar o trabalho dos professores é promover a cooperação entre eles, aproximando especialmente veteranos dos novatos, para que aqueles possam dar dicas e ajudar os menos experientes a aperfeiçoarem suas aulas.

Dessa forma, você acaba também contribuindo para uma cultura produtiva de colaboração em sua escola, criando um ambiente mais saudável.

Estimule a qualificação dos professores

Cursos de pós-graduação stricto sensu e lato sensu, além de conferências, seminários, workshops e diversas outras atividades voltadas para a qualificação profissional de docentes sempre se revertem em mais qualidade para o processo de ensino/aprendizagem na escola.

Powered by Rock Convert

Há diversas formas de possibilitar e, mais do que isso, promover a qualificação dos seus professores. Você pode, por exemplo, buscar parcerias com instituições de ensino que ofereçam tais cursos a fim de conseguir descontos para seus docentes.

Outra tática eficiente é divulgar, por meio de painéis na sala dos professores, banners e anúncios de eventos acadêmicos relacionados às diversas áreas de atuação docente.

Além disso, você poderá flexibilizar horários para os professores pós-graduandos, a fim de facilitar a conciliação de seus estudos no Mestrado ou Doutorado com sua carga-horária na escola.

Mantenha uma boa relação com os professores

É bastante desaconselhável que a relação do diretor da escola com os professores seja algo de cima para baixo; em vez disso, essa relação deverá ser pautada no trabalho colaborativo, em equipe.

Dessa forma, professor e diretor podem se ver como peças tanto específicas quanto fundamentais para o sucesso do trabalho na escola.

O trabalho de direção em escolas deve ser pautado em práticas de gestão que inspirem confiança nos colaboradores, de maneira que você possa, por meio de suas habilidades gerenciais, criar um ambiente para interação saudável, motivando todos a darem o seu melhor, principalmente os docentes.

Nessa perspectiva, um dos pilares para a construção dessa boa relação com os professores será a comunicação eficiente entre corpo docente e direção. Para isso, o diretor poderá lançar mão de recursos tecnológicos, como diários eletrônicos e aplicativos para comunicação escolar.

Essas tecnologias têm o poder de desburocratizar a rotina de trabalho dos professores, uma vez que facilitam e dinamizam a comunicação entre o grupo de trabalho.

Invista em reuniões bem planejadas

O bom andamento das questões pedagógicas e institucionais dependerá muito da qualidade das reuniões de trabalho realizadas na escola.

Trata-se de uma excelente oportunidade para que o corpo docente, a coordenação pedagógica e a direção discutam estratégias educacionais, medidas disciplinares, remanejamento de alunos, entre outras diversas pautas.

Dessa forma, é possível realizar a troca de informações e o cruzamento de diferentes perspectivas acerca dos desafios e das necessidades da instituição.

Esse momento representa uma excelente oportunidade de conhecer as dificuldades enfrentadas pelos professores em sua relação diária com os alunos. Dessa forma, é possível repensar velhas estratégias e orientar o trabalho dos professores.

Nestas ocasiões, também é interessante observar o comportamento dos professores em relação aos colegas e sua integração à equipe.

Estudos recentes realizados na Universidade de Durham, na Inglaterra, revelam que a boa relação dos professores com colegas e pais de alunos reverte-se em melhores resultados no aprendizado dos educandos.

Além disso, o trabalho interdisciplinar sempre tem um impacto muito positivo no processo educacional. Quando os professores têm uma boa relação entre si, esses processos fluem com mais naturalidade.

No âmbito escolar, pais, professores, alunos, gestores, zeladores e demais profissionais constituem uma pequena sociedade, cujas bases devem remontar aos objetivos educacionais traçados.

Por isso, gerir uma escola é lidar cotidianamente com as angústias e os desafios dessas pessoas. Buscar, nos professores, aliados nessa lida é uma estratégia e tanto para construir juntos uma escola ideal.

Então, você curtiu este post sobre gestão de professores? Lembrou-se de outras ideias sobre o tema? Se sim, deixe seu comentário abaixo e compartilhe, conosco e com nossos leitores, sua opinião sobre o assunto.

 

Powered by Rock Convert

Quer ficar por dentro das novidades?

Assine a nossa newsletter e receba conteúdos incríveis toda semana!


Portabilis Tecnologia

A startup de tecnologia que ajuda os governos municipais a superarem a falta de informação através de soluções inteligentes, para aumentar o impacto das políticas públicas de educação e assistência social, focando em transformações sociais e a garantia do acesso de todos os brasileiros aos seus direitos.