3 min de leitura

Organizada virtualmente por escola de Içara, Gincana desperta solidariedade e envolve famílias

Powered by Rock Convert

Escola Quintino Rizzieri manteve atividades que ocorreriam de forma presencial. Pais, responsáveis e alunos se uniram para realizar desafios. Mais de 500 itens alimentícios foram arrecadados em uma das provas.

Colocar a mão na massa também estava entre as tarefas da gincana. Fotos: Divulgação

Uma das escolas que compõem a Rede Municipal de Içara, que integra o hall de clientes da Portabilis, em Santa Catarina, organizou, de maneira virtual, uma gincana para envolver pais/responsáveis e alunos em tempos de quarentena. O evento, que já estava previsto no calendário de atividades da Escola Municipal de Ensino Fundamental Quintino Rizzieri, precisou apenas ter suas tarefas repassadas via WhatsApp às famílias.  

De acordo com a diretora da unidade escolar, Jucelma Cardoso Cipriano, a continuidade do evento foi uma das primeiras ações realizadas pela escola, para manutenção das atividades. “Em março, no início da quarentena, ainda estávamos com aquele sentimento de tristeza pela situação de emergência pandêmica. Mas antes da interrupção das aulas, as equipes já estavam organizadas. Pensamos então que o envolvimento com as provas seria uma maneira de motivar nossos alunos e suas famílias em casa”, contou.

Entre as provas: receitas em família, resgate de jogos antigos e até confecção de objetos com materiais recicláveis. “Como estamos todos em casa, estamos produzindo mais resíduos, então por que não transformá-los em algo útil para nossas casas ou mesmo em brinquedos? ”, enfatizou a diretora.  

A solidariedade também tem pautado o evento. Uma das provas, chamada Desafio do Amor, despertou nas crianças e adolescentes o espírito de solidariedade. “A tarefa era angariar alimentos para famílias em situação de vulnerabilidade. Foram arrecadados 539 itens alimentícios e 131 itens de higiene, e assim vamos continuando”, destacou Jucelma.

Itens arrecadados para doação a famílias em situação de vulnerabilidade. Foto: Divulgação

Ajudando a escola e a comunidade

Todos os 800 estudantes da unidade escolar estão envolvidos nas provas, o que ajuda a amenizar a saudade da sala de aula. A gincana vai até o 11 de agosto, quando se comemora o Dia do Estudante. Várias famílias têm postado as tarefas nas redes sociais, marcando o período e a cor das equipes.

Apesar dos desafios que a quarentena impõe às famílias, muitos têm enxergado na pandemia, oportunidades de passar mais tempo ao lado dos seus filhos. A professora Andressa da Silva Ronsani, é mãe de duas alunas que estudam no Quintino, Thamyres, no 7° ano e Thalyta, no 2° ano. Ela também está afastada de suas atividades, desempenhadas na cidade de Criciúma, devido a Covid-19. A professora ressalta que as provas são importantes para conscientizar nas crianças a empatia com os demais.  

“Embora esse seja um momento difícil, estamos aproveitando para passar mais tempo juntos. No dia a dia do ano letivo a rotina acaba sendo bem intensa e o tempo que temos são para realizar as tarefas escolares e conversar sobre o dia. Agora com mais tempo, estamos procurando fazer atividades que sejam prazerosas e que também contemplem o aprendizado, através do lúdico, por meio de jogos, brincadeiras e artes”, contou a equipe da Portabilis.

Segundo ela, a gincana deixou os estudantes animados, sempre a espera de um novo desafio. “Isso acaba despertando um espírito de competição “saudável”, parceria e companheirismo, onde o interesse maior não é nem vencer, mas participar, ajudar a escola e a comunidade. Esse espírito acaba gerando solidariedade, tanto nos alunos, quanto nas famílias. E diante do atual cenário mundial, a escola, juntamente com a excelente equipe de profissionais, plantam essas sementinhas no coração das nossas crianças. Para nós, como pais, é muito gratificante”. Andressa da Silva Ronsani, mãe e educadora, sobre a gincana da escola.

Andresa e as filhas, Thalyta e Thamyres, em atividades propostas pela Escola Quintino Rizzieri, em Içara. Foto: Arquivo pessoal / divulgação

Além das atividades da gincana, os alunos do Quintino, e de toda a Rede Municipal de Içara, têm à disposição um site com jogos e atividades disponibilizado pela Secretaria da Educação, conforme já divulgamos aqui. “Com certeza eles estão aprendendo muito durante a quarentena, embora a saudade da escola e amigos seja grande. Sabemos que no momento que for seguro todos voltarão e continuarão essa gincana e as aulas ainda mais empolgados. Por enquanto, a palavra que define nosso sentimento para com a escola é gratidão”, declarou a mãe.

Powered by Rock Convert

Quer ficar por dentro das novidades?

Assine a nossa newsletter e receba conteúdos incríveis toda semana!


Tânia Giusti

Tânia Giusti é bacharel e mestre em jornalismo, entusiasta da educação e escreve sobre como políticas públicas de educação e assistência social podem transformar a sociedade. Na bagagem, traz vivências jornalísticas do trabalho com assessoria de imprensa no setor público. Participe, mande relatos ou sugestões para contato@portabilis.com.br